CET Companhia de Engenharia de Tráfego de São Paulo, SP - Brasil

CET

Emergências no Trânsito: Ligue 1188

Companhia de Engenharia de Tráfego

Caminhões

Quando se fala no abastecimento e prestação de serviços de uma Cidade com as dimensões de São Paulo, sempre vem em mente a figura do caminhão. Ele é fundamental! Outros veículos menores também servem ao transporte da carga, mas nem sempre é possível utilizá-los.

A Cidade para funcionar precisa permitir deslocamentos de pessoas, nos seus vários motivos e precisa também permitir o abastecimento de mercadorias e a prestação de serviços. Tudo isso disputando um mesmo espaço - as vias da Cidade - e geralmente num mesmo período: durante o dia. Como resolver este conflito?

Algumas medidas como a implantação de restrições ao trânsito de Caminhões, durante os horários mais comprometidos com excesso de veículos, têm sido adotadas ao longo destes anos, para diminuir conflitos e otimizar a eficiência do sistema viário. Abastecer a Cidade de forma programada, dando preferência aos horários noturnos, agilizam as entregas com menor desgaste ao transportador. E ainda há a possibilidade de substituição dos caminhões por Veículos Urbanos de Carga - VUC´s, permitindo deslocamentos mais rápidos durante o dia, nos casos em que a entrega noturna não for possível.

A Secretaria Municipal de Transportes (SMT) publicou no dia 27/04/2016, a Portaria nº 031/16 - SMT/GAB que tem como objetivo racionalizar procedimentos e padronizar medidas regulamentares referentes ao trânsito de caminhões no Município.

Uma das medidas é a alteração das características do Veículo Urbano de Carga (VUC) que pode circular em diversos locais com restrição na cidade de São Paulo. O comprimento máximo do VUC passou de 6,30m para 7,20m.

Entre os procedimentos que serão aprimorados a partir da nova portaria estão o cadastro e a solicitação da Autorização Especial de Trânsito para Caminhões - AETC, que deverão ser efetuados no site  da SMT no Portal da Prefeitura de São Paulo (www.prefeitura.sp.gov.br/cidade/secretarias/transportes/autorizacoes_especiais/transporte_de_carga/index.php?p=3589 ), na página de Autorizações Especiais.  

A autorização que antes era concedida para um ano passa a valer pelo prazo máximo de dois anos, após análise do cadastro prévio e obrigatório de caminhões e apresentação dos documentos estabelecidos na portaria. A autorização fica efetivamente válida, somente após a apresentação dos documentos. O interessado poderá acompanhar o status pelo Portal da Prefeitura. A medida irá garantir maior facilidade de acesso e eficácia no processo de cadastramento. Fica extinta a emissão de um cartão específico.

A portaria também promove alteração de horários de restrição ao trânsito de caminhões em algumas Vias Estruturais Restritas (VER), visando a uniformização e adequação em horários e terminologias de excepcionalidades para os locais restritos.

As novas medidas passam a vigorar em 9 de maio.